CONEXÃO MEGA RADICAL: Brasileiro vence etapa no Circuito Mundial de Surf

Por Iago Galvão

O Conexão Mega Radical abre os trabalhos com o melhor do que rolou nas paradisíacas praias da Indonésia, com o reinício da 3a etapa, interrompida em Margaret River, na Austrália, por altíssimo risco de ataques de tubarões.

O cenário desta última etapa foi em Uluwatu, e o William Cardoso, o Panda, como é conhecido nos bastidores, fez história. Após 13 anos de divisão de acesso (WQS), e quase ter desistido da idéia de entrar no CT (elite do surf mundial), o surfista catarinense do Camboriú conquistou sua primeira etapa no CT, sem dar os tão desejados aéreos, e de backside!

Outro detalhe a ser comemorado foi o fato de ter sido a quarta etapa em 5 no ano para o Brasil, um feito inédito que empolgou os brasileiros na tradicional condução do campeão até o pódio. No feminino, a havaiana-brasileira Tatiana Weston-Webb ficou em segundo, sendo derrotada pela francesa Johanne Defay, que se consagrou como primeira mulher a ganhar uma etapa do Mundial em Uluwatu.

Com o resultado, o Panda chegou à 5a colocação, e agora o Brasil tem 4 representantes no Top 5. A elite dá uma parada, e recomeça no início de julho, na etapa das direitas perfeitas de Jeffrey’s Bay, na África do Sul.

Comentários