Confira a lista de vencedores do Globo de Ouro 2019

Bohemian Rhapsody e Green Book: O Guia foram os grandes premiados da noite

O Globo de Ouro 2019 neste domingo (6) dividiu bem suas estatuetas, com três grandes vencedores nas categorias de cinema:

  • "Green Book: O guia" levou três prêmios, melhor comédia ou musical, roteiro e ator coadjuvante para Mahershala Ali

  • "Bohemian Rhapsody", sobre o Queen, ganhou dois: melhor filme (drama) e ator para Rami Malek, no papel de Freddie Mercury

  • "Roma" levou com Alfonso Cuarón (diretor) e Filme Estrangeiro

  • Na TV, "O método Kominsky" e "The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story" ganharam dois cada

Com apresentação de Sandra Oh, melhor atriz de série dramática por "Killing Eve", e Andy Samberg ("Brooklyn Nine-nine"), a cerimônia foi no Hotel Beverly Hilton, em Los Angeles.

Promovida pela Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA, na sigla original), a disputa dá largada na temporada de prêmios.

Equilíbrio no cinema...

A noite foi marcada por um grande equilíbrio tanto no cinema quanto na TV. Nenhuma produção ganhou mais de três prêmios.

O ganhador em estatuetas foi "Green Book: O guia". Ao contar a história de pianista de jazz negro fazendo turnê pelo Sul dos Estados Unidos nos anos 1960 acompanhado de um guarda-costas branco, o filme conquistou as categorias de melhor comédia ou musical, melhor roteiro e melhor ator coadjuvante (Mahershala Ali).

Já nas categorias dramáticas o vencedor foi "Bohemian Rhapsody". O filme sobre Freddie Mercury e o Queen foi o escolhido como melhor filme dramático e com o melhor ator de drama. Em seu discurso, Rami Malek dedicou o prêmio ao cantor: "Freddie, isso é para você".

Mas as coisas poderiam ser diferentes. "Roma" ganhou outras duas estatuetas como melhor filme de língua estrangeira e melhor diretor para o mexicano Alfonso Cuarón.

A história de um empregada doméstica nos anos 1970 na Cidade do México ficou de fora das categorias principais, já que uma regra da premiação não permite a presença de filmes gravados em outros idiomas.

Christian Bale foi o melhor ator em comédia ou musical por "Vice", com um discurso bem-humorado sobre como foi inspirado por Satanáspara interpretar o antigo vice-presidente dos EUA Dick Cheney. A melhor atriz de comédia ou musical foi Olivia Colman, por "A favorita".

Uma das surpresas da noite foi o prêmio de melhor atriz dramática para Glenn Close, por "A esposa". A atriz veterana deu um discurso emocionado, que levou parte dos convidados às lagrimas, após ganhar de Lady Gaga ("Nasce uma estrela") e Melissa McCarthy ("Poderia Me Perdoar?").

Outra que emocionou os colegas foi Regina King. Ao ganhar como atriz coadjuvante por "Se a rua Beale falasse", ela foi ovacionada ao prometer que todas as suas produções dali em diante teriam equipes compostas 50% por mulheres.

Com cinco indicações, "Nasce uma estrela" só não passou em branco ao levar o prêmio de melhor canção original, com "Shallow", interpretada por Lady Gaga e Bradley Cooper. A cantora subiu ao palco com Mark Ronson, um dos autores da música, para agradecer o prêmio.

Entre as animações, a Sony conseguiu quebrar a hegemônia da Disney e da Pixar graças a "Homem-Aranha no Aranhaverso".

O grande homenageado da noite com o prêmio Cecil B. Demille de conjunto da carreira foi Jeff Bridges. O ator já tinha ganhado um prêmio em 2010 por sua atuação em "Coração Louco", e foi indicado outras quatro vezes.

...e na TV

Nas categorias de TV, a disputa foi ainda mais acirrada. "O método Kominsky" e "The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story" foram os mais premiados, com dois cada.

"Kominsky" foi o grande vencedor entre as comédias, escolhido como melhor série de comédia ou musical e como melhor ator de comédia (Michael Douglas). Rachel Brosnahan, de "The Marvelous Mrs. Maisel", foi a melhor atriz.

Já "Versace" foi o destaque entre as séries limitadas ou filmes para a TV, ganhador na categoria principal e com o melhor ator dessa categoria (Darren Criss). Patricia Arquette, de "Escape at Dannemora", foi a melhor atriz.

Entre os dramas, não houve um favorito. A última temporada de "The Americans" foi a vencedora como série, Richard Madden ("The Bodyguard") foi o melhor ator e Sandra Oh foi a melhor atriz.

A TV também contou com uma grande novidade em 2019. A edição da premiação estreou o prêmio Carol Burnett de conjunto da carreira televisiva para a própria Burnett. A atriz de 85 anos já foi indicada a 18 Globos de Ouro, e levou cinco deles para casa.

Lista completa com vencedores em negrito:

Melhor filme - Drama

  • "Infiltrado na Klan"

  • "Pantera Negra"

  • "Bohemian Rhapsody"

  • "Se a Rua Beale Falasse"

  • "Nasce uma estrela"

Melhor atriz de filme - Drama

  • Glenn Close, "The Wife"

  • Lady Gaga, "Nasce uma estrela"

  • Nicole Kidman, "Destroyer"

  • Melissa McCarthy, "Poderia Me Perdoar?"

  • Rosamund Pike, "A Private War"

Melhor ator de filme - Drama

  • Bradley Cooper, "Nasce uma estrela"

  • Willem Dafoe, "At Eternity's Gate"

  • Lucas Hedges, "Boy Erased"

  • Rami Malek, "Bohemian Rhapsody"

  • John David Washington, "Infiltrado na Klan"

Melhor Filme - Musical ou Comédia

  • "Podres de ricos"

  • "A Favorita"

  • "Green Book: O Guia"

  • "O Retorno de Mary Poppins"

  • "Vice"

Melhor atriz em filme - Musical ou Comédia

  • Emily Blunt, "O Retorno de Mary Poppins"

  • Olivia Colman, "A favorita"

  • Elsie Fisher, "Oitava Série"

  • Charlize Theron, "Tully"

  • Constance Wu, "Podres de Ricos"

Melhor ator em filme - Musical ou Comédia

  • Christian Bale, "Vice"

  • Lin-Manuel Miranda, "O Retorno de Mary Poppins"

  • Viggo Mortensen, "Green Book: O Guia"

  • Robert Redford, "The Old Man and the Gun"

  • John C. Reilly, "Stan & Ollie"

Melhor diretor de filmes

  • Bradley Cooper, "Nasce uma estrela"

  • Alfonso Cuarón, "Roma"

  • Peter Farrelly, "Green Book: O Guia"

  • Spike Lee, "Infiltrado na Klan"

  • Adam McKay, "Vice"

Melhor roteiro para filme

  • Barry Jenkins ("If Beale Street Could Talk")

  • Adam McKay ("Vice")

  • Alfonso Cuarón ("Roma")

  • Deborah Davis and Tony McNamara ("A favorita")

  • Peter Farrelly, Nick Vallelonga, Brian Currie ("Green Book: O Guia")

 

Melhor atriz coadjuvante em filmes

  • Amy Adams, "Vice"

  • Claire Foy, "O primeiro homem"

  • Regina King, "Se a Rua Beale Falasse"

  • Emma Stone, "A Favorita"

  • Rachel Weisz, "A Favorita"

Melhor ator coadjuvante em filmes

  • Mahershala Ali, "Green Book: O Guia"

  • Timothée Chalamet, "Beautiful Boy"

  • Adam Driver, "Infiltrado na Klan"

  • Richard E. Grant, "Poderia Me Perdoar?"

  • Sam Rockwell, "Vice"

Melhor música para filmes

  • "All the Stars”, "Pantera Negra"

  • "Revelation”, "Boy Erased"

  • "Girl in the Movies”, "Dumplin"

  • "Shallow", "Nasce uma estrela"

  • "Requiem for a Private War", "A Private War"

Melhor trilha original para filmes

  • Marco Beltrami, "Um lugar silencioso"

  • Alexandre Desplat, "Ilha de cachorros"

  • Ludwig Göransson, "Pantera Negra"

  • Justin Hurwitz, "O primeiro homem"

  • Marc Shaiman, "O retorno de Mary Poppins"

Melhor animação

  • "Os Incríveis 2"

  • "Ilha dos Cachorros"

  • "Mirai"

  • "WiFi Ralph: Quebrando a Internet"

  • "Homem-Aranha no Aranhaverso"

Melhor filme em língua estrangeira

  • "Capernaum" (Líbano)

  • "Girl" (Bélgica)

  • "Never Look Away" (Alemanha)

  • "Roma" (México)

  • "Shoplifters" (Japão)

Melhor série - Drama

  • "The Americans"

  • "Bodyguard"

  • "Homecoming"

  • "Killing Eve"

  • "Pose"

Melhor atriz em série - Drama

  • Caitriona Balfe, "Outlander"

  • Elisabeth Moss, "O conto da Aia"

  • Sandra Oh, "Killing Eve"

  • Julia Roberts, "Homecoming"

  • Keri Russell, "The Americans"

Melhor ator em série - Drama

  • Jason Bateman, "Ozark"

  • Stephan James, “Homecoming"

  • Billy Porter, "Pose"

  • Richard Madden, "Bodyguard"

  • Matthew Rhys, "The Americans"

Melhor série - Musical ou Comédia

  • "Barry"

  • "Kidding"

  • "The Good Place"

  • "O Método Kominsky"

  • "The Marvelous Mrs. Maisel"

Melhor atriz em série - Musical ou Comédia

  • Kristen Bell, "The Good Place"

  • Candice Bergen, "Murphy Brown"

  • Alison Brie, "Glow"

  • Rachel Brosnahan, "The Marvelous Mrs. Maisel"

  • Debra Messing, "Will & Grace"

Melhor ator em série - Musical ou Comédia

  • Sacha Baron Cohen, "Who is America?"

  • Michael Douglas, "O Método Kominsky"

  • Donald Glover, "Atlanta"

  • Bill Hader, "Barry"

  • Jim Carrey, “Kidding”

Melhor série limitada ou filme para TV

  • "The Alienist"

  • "The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story"

  • "Escape at Dannemora"

  • "Sharp Objects"

  • "A Very English Scandal"

Melhor atriz em série limitada ou filme para TV

  • Amy Adams, "Sharp Objects"

  • Patricia Arquette, "Escape at Dannemora"

  • Connie Britton, "Dirty John"

  • Laura Dern, "The Tale"

  • Regina King, "Seven Seconds"

Melhor ator em série limitada ou filme para TV

  • Antonio Banderas, "Genius: Picasso"

  • Daniel Bruhl, "The Alienist"

  • Darren Criss, "The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story"

  • Benedict Cumberbatch, "Patrick Melrose"

  • Hugh Grant, "A Very English Scandal"

Melhor atriz coadjuvante em série, série limitada ou filme para TV

  • Alex Borstein, "The Marvelous Mrs.Maisel"

  • Patricia Clarkson, "Sharp Objects"

  • Penélope Cruz, "The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story"

  • Thandie Newton, "Westworld"

  • Yvonne Strahovski, "O conto da Aia"

Melhor ator coadjuvante em série, série limitada ou filme para TV

  • Alan Arkin, "O Método Kominsky"

  • Kieran Culkin, "Succession"

  • Edgar Ramírez, "The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story"

  • Ben Whishaw, "A Very English Scandal"

  • Henry Winkler, "Barry"

Fonte: G1 

Comentários