Em Conquista, membros de diversos sindicatos fazem protesto contra Reforma da Previdência; VEJA AS FOTOS

Manifestantes ocuparam a Praça 9 de Novembro para protestar contra proposta apresentada pelo governo de Jair Bolsonaro

Diversas frentes sindicais do país organizaram para esta sexta-feira (22), protestos contra a Reforma da Previdência proposta pelo governo de Jair Bolsonaro.

O município de Vitória da Conquista participou desta data. Sem paralisações, a cidade contou com uma forte manifestação organizada na Praça 9 de Novembro.

Participaram do evento sindicatos como Sintravc, Adusb, Sindlimp e Simmp. Ao longo de todo protesto, eram notavéis muitas palavras de ordem e contrários as outras medidas do atual governo.

 

O que propõe a Reforma da Previdência

 - Acaba a aposentadoria por tempo de contribuição;

- Para se aposentar, mulher precisa ter no mínimo 62 anos e homem, 65;

- Para homem e mulher, tempo mínimo de contribuição sobe de 15 para 20 anos;

- Idade mínima é a mesma para funcionário público e privado;

- Aposentado só recebe 100% do benefício se pagar ao INSS por 40 anos;

- Há 3 regras de transição: por pontos, idade mínima e com um pedágio de 50% em relação ao tempo que falta;

- Quem ganha mais pagará contribuição maior ao INSS: de 11%, sobe para 11,68%;

- Pensão por morte para viúvos órfãos será menor, caindo de 100% para 60% com um dependente;

- Abono do PIS será pago só para quem recebe até 1 salário mínimo. Hoje, tem direito quem recebe até dois mínimos;

- Benefício inicial a idoso pobre cai de R$ 998 para R$ 400.

 

VEJA AS FOTOS

Fotos: Rafael Flores

 

Comentários