Rui Costa afirma que não vai prometer coisas neste mandato por causa de dificuldade financeira

Governador comentou o estado de calamidade financeira que já foi decretado em sete estados brasileiros

O governador Rui Costa concedeu entrevista nesta sexta-feira (12) para a Rádio Metrópole em Salvador e destacou que não irá cair na tentação de prometer coisas que não são possíveis para a população baiana. 

De acordo com ele, as propostas não serão feitas apenas para ganhar aplausos diante da crise financeira que o país tem enfrentado.

"Vamos continuar esse jeito sereno, maduro e responsável de governar. A tentação para político de anunciar coisas que não são possíveis de fazer são sempre grandes. Quem não quer sair de uma plateia aplaudido? Mas me mantenho. Não vou cair na tentação de prometer coisas que não são possíveis de realizar", pontuou o governador.

Rui também comentou sobre a matéria da Folha de São Paulo em que é divulgado o estado de calamidade financeira decretado em sete estados brasileiros. "O tsunami não é pequeno, não", falou Rui.

Comentários