Vereador Valdemir quebra o silêncio e conta que fechamento de escolas em Conquista é ilegal; SAIBA MAIS

vereador foi taxativo ao afirmar que a comunidade não foi ouvida sobre tal decisão

Nesta segunda-feira (20), o programa Redação Mega recebeu o vereador Valdemir Dias (PT) para falar sobre a decisão da prefeitura em fechar escolas na zona rural. 

De acordo com o edil, os vereadores foram "pegos de surpresa" com essa notícia. Em seu relato, ele afirma que a câmara estava em sessão quando foram informados sobre essa ação do governo municipal e frisa que é necessária uma condição melhor para os estudantes das escolas fechadas.

"Para que se possa fechar escolas do campo, indígenas ou quilombolas é preciso dar uma condição melhor para aqueles alunos, ou seja, eles devem ter uma condição melhor de onde eles estão pra onde eles vão", disse ele.

Valdemir pontuou que a ação é ilegal e citou a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), nº 12.060/2014. O parágrafo único do artigo 28 dispõe: “O fechamento de escolas do campo, indígenas e quilombolas será precedido de manifestação do órgão normativo do respectivo sistema de ensino, que considerará a justificativa apresentada pela Secretaria de Educação, a análise do diagnóstico do impacto da ação e a manifestação da comunidade escolar”. 

O vereador foi taxativo ao afirmar que a comunidade não foi ouvida sobre essa decisão e destacou que a prefeitura está fechando de forma aleatória e sem consultar as comunidades. 

CONFIRA A ENTREVISTA

 

Comentários