Secretário de Rui culpa governo federal após diesel ficar mais caro que a gasolina na Bahia

Luiz Caetano sugeriu que Bolsonaro interfira na política de preços da petrolífera brasileira

Foto: Divulgação


O secretário de Relações Institucionais do Estado, Luiz Caetano culpou o governo federal pela alta no preço dos combustíveis no Brasil e na Bahia, onde em algumas regiões o litro do diesel já está mais caro do que o litro da gasolina.

Em discurso nesta quinta-feira (12), durante agenda do governador Rui Costa (PT) em Amélia Rodrigues, Caetano disse que o presidente pode interferir na política de preços da petrolífera brasileira.

“Vá no posto de gasolina e olhe quanto está o preço da gasolina e do diesel. Eu nunca vi no Brasil o óleo diesel ficar mais caro que a gasolina. Essa política de preços é definida pelo preço da gasolina”, disse Caetano.

“Lá atrás o presidente do Brasil congelou o preço da gasolina e do diesel. Agora, o preço da gasolina e do diesel explodiu, assim como o preço da carne, do feijão, do arroz, do gás de cozinha. A gente não tem presidente da república, esse que está aí não representa o povo pobre, preto e da periferia”, completou o secretário.

Nesta quinta-feira (12), o presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a criticar a política de preços da Petrobras e fez comentários sobre a margem de lucro do estatal.

“A Petrobras está gordíssima, tá obesa. Seu conselho e seus diretores poderiam, sim, reduzir a margem de lucro. A margem de lucro deles é na casa de 30%, já as outras petroleiras estão no máximo em 15%”, afirmou em entrevista ao Balanço Geral de Maringá (PR), na última quarta-feira (11).

BNews

Comentários