Em Jornal Nacional, Globo repudia em nota ataques de Bolsonaro a Miriam Leitão; [ASSISTA]

O texto foi lido no Jornal Nacional, pela apresentadora Renata Vasconcellos

Na edição do Jornal Nacional de ontem (19), a apresentadora Renata Vasconcellos leu uma nota de repúdio da Rede Globo aos ataques proferidos por Jair Bolsonaro contra a jornalista da emissora Miriam Leitão. 

“O presidente Jair Bolsonaro disse que sempre foi a favor da liberdade de imprensa e que críticas devem ser aceitas numa democracia. Mas, depois, afirmou que Miriam Leitão foi presa quando estava indo para a Guerrilha do Araguaia para tentar impor uma ditadura no Brasil e repetiu duas vezes que ela mentiu sobre ter sido torturada e vítima de abuso em instalações militares durante a ditadura militar”, leu Renata. 

“Essas afirmações do presidente causam profunda indignação e merecem absoluto repúdio. Em defesa da verdade histórica e da honra da jornalista Miriam Leitão, é preciso dizer com todas as letras que não é a jornalista quem mente. Ela nunca participou ou quis participar da luta armada. À época militante do PCdoB, Miriam atuou em atividades de propaganda”, continua a nota. 

Confira abaixo o depoimento completo:

 

Metro 1

Comentários