Pai de Alok revela prejuízo com Universo Paralello e fim de casamento; saiba mais

Festa de oito dias, na praia de Pratigy, na Bahia, teve ingresso médio de R$ 800

De acordo com Juarez Petrillo, pai do DJ Alok, o festival Universo Paralello teve prejuízo financeiro. A festa de oito dias,tradicional para os amantes de música eletrônica, aconteceu na praia de Pratigi e com um custo médio de R$800.

"Muito feliz com o resultado final, apesar do prejuízo financeiro e o fim do meu casamento de 22 anos. Estou de pé", escreveu, em sua rede social. 

O UP, como é conhecido o festival, teve show de diversos DJs do mundo, além de artistas do quilate de Caetano Veloso. Frequentadores questionaram se o prejuízo resultaria no fim da festa. Petrillo, no entanto, negou.  

Comentários