Ministro do Meio Ambiente rebate post de Leonardo DiCaprio no Twitter

Ator é um crítico do governo Bolsonaro e cobra fim de queimadas e desmatamentos na Amazônia

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, rebateu no Twitter, nesta 5ª feira (10.set.2020), publicação do ator norte-americano Leonardo DiCaprio no Twitter com críticas ao presidente Jair Bolsonaro.

DiCaprio compartilhou o vídeo de campanha mundial promovida por ativistas ambientais brasileiros chamada “Defund Bolsonaro”, que tem a intenção de alertar sobre o desmatamento da Amazônia. Na peça, o movimento culpa Bolsonaro e as grandes marcas pela “destruição da Amazônia”.

Ao fazer a publicação, o ator usou as hashtags #DefundBolsonaro (desfinancie Bolsonaro), #AmazonOrBolsonaro (Amazônia ou Bolsonaro) e #WhichSideAreYouOn (De que lado você está) no post, que já teve mais de 20.000 compartilhamentos e 10.000 comentários.

Ao rebater a publicação, Salles disse que o governo federal está lançando o projeto de preservação “Adopt1Park”, que permite que DiCaprio ou qualquer outra empresa ou indivíduo possa escolher 1 dos 132 Parques da Amazônia e patrociná-lo diretamente a € 10 por hectare por ano.

E concluiu, questionando: “Você vai colocar seu dinheiro onde sua boca está?”.

Ativista ambiental e crítico da política de Bolsonaro para o setor, DiCaprio já foi alvo outras vezes de críticas do governo, inclusive feitas diretamente pelo presidente.

Em 14 de agosto, o ator já criticou o presidente ao compartilhar uma notícia do jornal inglês The Guardian sobre o desmatamento na Amazônia. O vice-presidente Hamilton Mourão respondeu o ator convidando a conhecer “como funcionam as coisas” na Amazônia e disse que ainda que há desinformação sobre a Amazônia e as queimadas.

Assista o vídeo da campanha “Defund Bolsonaro” compartilhado por DiCaprio (1min27seg):

Poder360

Comentários

Notícias relacionadas