Polônia vai sortear prêmios milionários para incentivar imunização contra a Covid-19

Para concorrer é preciso estar com as defesas anti-Covid-19 em dia

Foto: Divulgação/Ministério da Saúde


Enquanto no Brasil faltam vacinas contra a Covid-19 para imunizar a população, na Polônia o município que atingir a maior taxa de vacinação vai receber 2 milhões de zlotys, o equivalente a quase R$ 3 milhões de reais. O país vai pagar ainda 1 milhão de zlotys, cerca de R$ 1,45 milhão, para as duas pessoas que tirarem os bilhetes certos na “loteria da vacina”. Para concorrer é preciso estar com as defesas anti-Covid-19 em dia.

De acordo com reportagem da Folha de S.Paulo, os prêmios são uma estratégia do governo, para acelerar sua campanha de vacinação, que até esta quinta-feira (27) tinha inoculado as duas doses em 19,5% da população. Cerca de 22% dos habitantes já receberam a primeira injeção, segundo dados do centro de controle de doenças europeu. Dos 30 países acompanhandos, a Polônia é o 15º.

Além da premiação principal, haverá dois sorteios de cerca de R$ 145 mil por mês, e 2.000 pessoas podem receber o equivalente a R$ 750 reais, cada imunizado pode participar quatro vezes. O governo da Polônia ainda está sorteando um carro híbrido, scooters elétricos, vale-combustível e vale-seguro para quem cumprir seu esquema de vacinação.

Já para as administrações municipais, além do grande prêmio, há 49 cotas de 1 milhão de zlotys para a cidade que liderar a taxa de vacinação em sua região, e os 500 primeiros municípios que inocularem 75% de sua população vão receber 100 mil zlotyz (cerca de R$ 143 mil). A Polônia tem 2.478 municipalidades. Esta ação vai custar ao governo o equivalente a R$ 200 milhões.

Bnews

Comentários