Corregedoria investiga origem de fotos de mulher nua em delegacia do Rio de Janeiro

Até o momento, a mulher envolvida no episódio não foi identificada, e tampouco há maiores informações acerca do ocorrido

Foto: Reprodução


A Corregedoria da Polícia Civil vai analisar o conteúdo do celular de um inspetor afastado da 129ª DP (Iguaba Grande) sob a acusação de ter fotografado uma mulher nua nas dependências da delegacia. O objetivo da busca é confirmar se as imagens, que viralizaram nas redes sociais, foram realmente clicadas e compartilhadas pelo agente, que foi identificado na tarde desta terça-feira, enquanto o registro causava furor crescente na internet.

Até o momento, a mulher envolvida no episódio não foi identificada, e tampouco há maiores informações acerca do ocorrido. Fontes afirmam que as cenas ocorreram durante o plantão do último domingo, mas a data não foi confirmada oficialmente pela Polícia Civil.

VEJA TAMBÉM: Greve à vista: Caminhoneiros da Bahia se reúnem nesta sexta para decidir início de paralisação após novo reajuste no diesel

As fotos, que vêm sendo passadas adiante sobretudo no WhatsApp, mostram a mulher totalmente despida saindo de uma viatura estacionada na porta da 129ª DP. Em seguida, ela também aparece subindo uma escada dentro da delegacia.

Inicialmente, a Corregedoria comunicou apenas que iria realizar diligências para identificar o dia e horário em que as imagens foram feitas, bem como as circunstâncias do registro. O órgão também trabalhava para identificar todos os agentes que estavam de plantão da delegacia na ocasião.

Mulher nua sai de viatura estacionada na porta da delegacia

Foto: Reprodução

Extra

Comentários