CPI: Flávio Bolsonaro cita Paulo Gustavo para defender Luciano Hang

A fala do senador foi criticada nas redes sociais

Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado


O senador Flávio Bolsonaro saiu em defesa do empresário Luciano Hang, dono da Havan, durante o depoimento na CPI da Covid, nesta quarta-feira (29). O filho do presidente Jair Bolsonaro mencionou o humorista Paulo Gustavo no colegiado.

VEJA TAMBÉM: Fila de 2,2 mi no Bolsa Família é resultado cruel de governo incapaz de resolver problema da fome, diz Wagner

A menção aconteceu quando a CPI exibiu o atestado de óbito da mãe do empresário, que ocultava a informação de ela teria contraído a Covid-19. "Se fosse do Paulo Gustavo queria ver", citou. A fala do senador foi criticada nas redes sociais. O artista morreu no início do ano vítima da doença.

Flávio chegou ao colegiado ao lado de Hang. O empresário é conhecido na internet por ser um apoiador importante do governo, além de ser próximo da família Bolsonaro.

BNEWS

Comentários