Filha de Roberto Jefferson, blogueiro e pastor serão expulsos do PTB

A situação expõe um "racha" interno que coloca em lados opostos pai e filha

Foto: Reprodução/PTB 


Cristhiane Brasil, filha do ex-deputado e braço direito do governo Bolsonaro, Roberto Jefferson, e o blogueiro bolsonarista Oswaldo Eustáquio, serão expulsos do PTB. O anúncio foi feito pelo diretório do partido.

O pastor Fadi Faraj deve ter o mesmo destino.

VEJA TAMBÉM: Rui decide hoje se libera público nos estádios e aulas 100% presenciais

A situação expõe um "racha" interno que coloca em lados opostos pai e filha. O cacique preso pela Polícia Federal por incitar atos violentos e ameaçar Supremo Tribunal Federal passou o controle do partido para Graciela Nienov, que ficou como presidente interina da sigla.

Ela acusa Cristhiane de negociar paralelamente a filiação de Jair Bolsonaro ao PTB, sem o seu consentimento ou de Jefferson, com participação do presidente da sigla em São Paulo, o empresário Otávio Fakhoury, e do senador Flávio Bolsonaro.

Segundo Graciela, a expulsão dos três quadros tem boa adesão dos correligionários e tem a missão de "limpar" a legenda de personagens polêmicos e que possam atrapalhar a filiação do atual presidente da República, que está sem partido desde 2019.

No Twitter, Cristhiane Brasil compartilhou a postagem sobre a expulsão e provocou: "Quero ver....rsrs".

Em áudio encaminhado por Jefferson do hospital onde passou por um cateterismo, o ex-deputado se refere à presidente interina como Graci e diz que Cristhiane e Eustáquio seriam julgados pelo comitê de ética do partido.

A rixa familiar precede a situação com Bolsonaro e a própria prisão de Jefferson. Na eleição do ano passado, a filha do condenado no "Mensalão" apoiou Eduardo Paes para a Prefeitura do Rio, enquanto o seu pai participou da campanha de Marcelo Crivella.

BNews

Comentários