Família de Neymar exige saída de Galvão Bueno após suposto xingamento vazar ao vivo

Pai e irmã de jogador entenderam que ofensa de narrador da Globo foi para o camisa 10 da seleção

Foto: Montagem/Reprodução/TV Globo/Lucas Figueiredo/CBF


A família de Neymar está “pistola” com Galvão Bueno e a Globo após o vazamento de um suposto xingamento do narrador ao camisa 10 da seleção brasileira ter vazado ao vivo após a partida contra a Colômbia, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, no último domingo (10). Entre as reações públicas do núcleo mais próximo do jogador, sobraram ofensas ao locutor esportivo e até o pedido para sua saída das transmissões do time do Brasil.

Durante a transmissão, a voz de Galvão falando “idiota” chamou a atenção do público por ter vazado enquanto o repórter Eric Faria informava que Neymar tinha sido o único atleta da seleção que não ficou em campo após o apito final para cumprimentar os jogadores colombianos como “fair play” (“jogo limpo”, em tradução livre).

VEJA TAMBÉM: Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo concorrem à Bola de Ouro; veja lista completa

Nas redes sociais, telespectadores entenderam o xingamento de Galvão como se tivesse sido para o jogador. A interpretação chegou à família de Neymar quando o perfil no Instagram de um influenciador amigo do camisa 10, Eduardo Semblano, divulgou o vídeo acusando o narrador de ter ofendido o craque brasileiro.

Este senhor, que de senil não tem nada, já fez isso com o Pelé, algo próximo, mas hoje se superou mais uma vez, deixando transparente até para quem não quer ver o que são e quem são na vida real! Discursozinho hipócrita nunca me pegou, eu detesto ele desde que me entendo por gente, sempre me passou arrogância, soberba, prepotência e mais um monte de coisas ruins!”, escreveu o influenciador.

O pai de Neymar comentou a publicação ofendendo o narrador, mesmo sem ter certeza de que o xingamento era para o filho: “Nem precisamos dizer quem é o idiota! Vamos em frente!”. Rafaella Santos, irmã do jogador, foi além e pediu a retirada de Galvão das transmissões do Brasil: “Meu Deus do céu! Por que ele ainda narra os jogos da seleção! Alguém tira esse senhor daí!”. Seguidores sugeriram que Neymar boicotasse a Globo nas próximas entrevistas.

Neymar chegou a ser contratado da Globo entre 2014 e 2015, segundo reportagem da Folha de S.Paulo. Nos anos seguintes, tanto profissionais da emissora quanto a família do jogador trocaram farpas em público. Os alvos preferidos são Galvão Bueno e o comentarista Casagrande. As críticas reverberaram ainda mais depois da aproximação de Neymar e o presidente Jair Bolsonaro, que considera a Globo como sua inimiga.

Procuradas pela coluna, as assessorias da Globo e de Neymar não irão se pronunciar sobre o vazamento da ofensa de Galvão Bueno nem se o jogador deixará de falar com a emissora.

Observatório da TV/UOL

Comentários