Esposa de desembargador registra seis queixas contra ele e o acusa de agressão e estupro

Desembargador do Tribunal de Justiça de Pernambuco foi alvo das denúncias nos últimos dois anos

Foto:  Reprodução/TRE


O desembargador Évio Marques da Silva, do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), foi denunciado pela esposa por agressão, perseguições e estupros. Ela registrou seis boletins de ocorrência no intervalo de dois anos, entre 2020 e 2021.

Silvânia Maria Dias contou revelou a sua situação na semana passada, no dia 17. Os fatos vieram à tona no mesmo dia em que Évio foi empossado no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE).

Em relato feito à Globo, Silvânia diz o relacionamento entre os dois começou quando ela ainda era adolescente. Eles se casaram em 2013, mas estão juntos há 25 anos.

Como as denúncias são contra um magistrado, elas são encaminhadas ao Tribunal de Justiça de Pernambuco para que as providências sejam tomadas. No caso, elas são analisadas pela instituição à qual o denunciado faz parte.

Ela diz que teve coragem de romper o silêncio após ver as denúncias de violência feitas por Maria Eduarda de Carvalho contra o ex-marido Pedro Eurico, ex-secretário de Justiça e Direitos Humanos de Pernambuco.

 

VEJA TAMBÉM: Homem que disparou contra empresário tem prisão solicitada no oeste da Bahia

 

Os advogados do desembargador afirmaram que ele enfrenta um processo litigioso de divórcio há quase dois anos e que "se reserva no dever de preservar a privacidade do conflito familiar".

bnews

Comentários